RELATÓRIO DA AUDIÊNCIA PÚBLICA DO DIA 13/11/2014
Audiência realizada com o propósito de achar as soluções dos problemas causados pelas quedas de energia constantes, que no entanto, é a primeira problemática a ser tratada tanto na zona urbana como na zona rural do município, dentre outros serviços que a empresa responsável pela energia elétrica da cidade, Eletrobrás Distribuição Acre, deixaram a mercê.
Compareceram na audiência algumas lideranças e autoridades do município, onde os mesmos foram convidados a fazerem parte da mesa de debate. Os vereadores Jairo de Alencar Nonato e Sebastião Alves, que foram os idealizadores do projeto, o representante da Prefeitura Municipal, Silmar (Secretário de Governo), o representante do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Eliésio Batista, o Presidente da Cooperativa Cooperpetrolina, dentre outras pessoas que estavam na plateia. Foi dada a palavra aos componentes da mesa para cada um fazer seus agradecimentos e já colocar alguns pontos para serem debatidos em conjunto.
Em meio as saudações foi recebida uma ligação de um representante da Eletrobrás Distribuição Acre, onde deu os passos a serem seguidos, explicando que através dos documentos que serão encaminhados, a resposta chegará o mais rápido possível na zona urbana e rural do município, assim, resolvendo grande parte dos problemas. Em seguida, a palavra foi aberta ao público presente para que cada um expressasse suas ideias e precisões. A maioria dos munícipes eram moradores da zona rural do município, então, cada um em seu discurso colocou o seu ponto de vista, suas indignações com a péssima qualidade do serviço da fornecedora e as reclamações bastante coincidentes em relação as
quedas de energia. Primeiro orador – João Aguiar (Presidente da Associação de Produtores Rurais São Francisco) – Lamentou por haver nenhum representante da Eletrobrás/Eletroacre e falou do atendimento tardo da fornecedora Eletrobrás/Eletroacre em resolver a situação das quedas de energia, da enrolação na ouvidoria quando liga ao plantão requerendo ajuda. A energia que chega a passar de 3 a 4 dias para normalizar, que daí, acabam gerando perdas para
a população em suas casas, comprometendo a sua produção, os seus alimentos e frios. Reclamou por ainda não ter sido contemplado pelo Programa Luz Para Todos, no ramal dos Mineros, assim, fazendo que a saída para ter energia elétrica seja feita por ligações incorretas, pelo conhecido “Gato”. Segundo orador, José (Zé do Caminhão) – Morador do ramal Novo Horizonte, não chegou a perder seus bens e suas produções por causa das quedas de energia, mas fica decepcionado em ter uma qualidade tão baixa de energia elétrica na sua região e pelo
péssimo atendimento da fornecedora. Terceiro orador, Antônio Damião – Falou do risco grande que sofrem nas quedas de energia, e com a demora no atendimento que chega a passar de 4 dias, os próprios moradores é que religam a rede elétrica, sem nenhum equipamento de proteção especificado, é perigoso, mais é a saída para que volte a energia. Na escola onde é professor, grande parte dos eletrodomésticos, eletrônicos e os mantimentos guardados em freezers se perderam nas oscilações e quedas de energia; nas produções do homem do campo, a perda também é grande, nas chocadeiras, nas ordenharias, a qualidade do produto cai e o sustento de muitos vem de sua própria produção. Quarto orador, Eclesiastes – Morador do ramal Pirão de Rã, lamenta a baixa qualidade de energia fornecida, a dificuldade em serem atendidos na ouvidoria do plantão quando precisam, mas, fica contente por cada morador e as autoridades presentes estarem fazendo à sua parte em reivindicar as melhorias, e espera bons
resultados e mudanças por parte da Eletrobrás/Eletroacre. Quinto orador, Maria Aparecida – Moradora do ramal Reserva Rio de Janeiro do Km 70 do ramal areia branca, já chegou a passar 10 dias sem energia elétrica, perderam vários eletrodomésticos e eletrônicos, foi preciso irem a cede da fornecedora, pedindo por boa vontade que fossem resolver o problema daquela região, nas ligações as respostas sempre eram as mesmas mas a ajuda nunca chegava ao local. Sexto orador, Mariceudo – Morador do ramal Triunfo no Km 05, ainda não tem
energia em sua casa e está a 1 ano procurando os meios de ser beneficiado com o Programa Luz Para Todos, vive da agricultura e vem sofrendo com a falta de energia em sua residência.

Ao fim da fala de Mariceudo, o vereador Sebastião Alves, informa que as licitações já foram fechadas e enviadas, e que a data de execução já está definida para que continue os trabalhos do Governo, de levar as redes elétricas às casas. Sétimo orador, Silvino – Morador do ramal Gadelha, produtor rural e fabricante de ração, necessita de uma boa qualidade de energia elétrica para o seu trabalho não seja afetado, o caso se arrasta pela comunidade onde mora e compromete também as produções de seus vizinhos. Oitavo orador, Edimilson – Morador do
ramal Petrolina II, colocou seu constrangimento no péssimo atendimento e qualidade de energia fornecida para a região da zona rural, expôs sua indignação pela parte de também ser um produtor e depender da energia elétrica para que haja a produção de qualidade.
Em seguida, o vereador Jairo de Alencar explicou algumas situações que vinham
demorando a acontecer, no caso, o Programa Luz Para Todos, deixou claro que os recursos já estão sendo liberados e prontos para entrar em trabalho levando energia elétrica para mais de 200 família no município de Senador Guiomard na zona rural e em parceria com a Prefeitura, dando o auxílio também na zona urbana da cidade, assim completando as demandas.
Continuando, foram dadas as palavras finais dos componentes da mesa de debate, reforçando o apoio à essa luta dos munícipes querendo melhoras na distribuição de energia elétrica, no pronto-atendimento telefônico, nas tarifas cobradas injustamente, nos carros de plantão para atender a comunidade, falando também sobres os encaminhamentos devidos a serem enviados, requerendo todos os direitos, principalmente das pessoas que perderam
eletrodomésticos e eletrônicos nas quedas de energia, devendo assim fazerem anotações viáveis.

Relatório de Audiência Pública do Dia 13/11/2014

Publicações
Ano
Meses
Órgão

Menu da Transparência

Saiba como e onde o Presidente tem investido as receitas do legislativo.

           Portal da Transparência

Desenvolvido por

DECORP - Conectando pessoas
bandeira-sg.jpg

Contato (SIC Físico)

Câmara Municipal de

Senador Guiomard

CNPJ 04.088.175/0001-53

Rua Três de Maio dos Edis, nº 569

CEP 69970-000, Senador Guiomard, Acre, Brasil

camara.sguiomard@gmail.com

+55 (68) 3232-2256

Segunda a sexta: 07:00 as 13:00